Press Releases
print

IFC Mobiliza 11 Bancos em Empréstimo de US$165 Milhões para o Banco Daycoval


Em Washington, D.C.:
Adriana Gomez, IFC
Phone: +1 202 458-5204
Email:
agomez@ifc.org

No Brasil:
Morris Dayan, Daycoval
Phone: + 55 11 3138-0504
Email:
morris@bancodaycoval.com.br


Washington, D.C., 23 de junho de 2010— O IFC, integrante do Grupo Banco Mundial, organizou um empréstimo sindicalizado de US$ 165 milhões para o Banco Daycoval S.A., no Brasil, com a participação de 11 bancos internacionais. O objetivo do empréstimo é aumentar o acesso ao crédito às pequenas e médias empresas do país.  

Este é o primeiro empréstimo sindicalizado para um banco médio brasileiro desde o começo da crise financeira global em 2008. Os bancos médios são importantes provedores de crédito para as pequenas e médias empresas, que juntas geram mais de dois terços dos 35 milhões de empregos formais do Brasil. O Banco Daycoval é um cliente do IFC desde 2006.

A transação envolve um empréstimo do IFC, em moeda local, equivalente a US$ 25 milhões, com prazo de 4 anos e um empréstimo sindicalizado, composto de quatro “tranches”: duas denominadas em dólares, em um total de US$ 110 milhões e duas denominadas em Euros, no montante de € 23.5 milhões.  Os empréstimos sindicalizados vencem em 2 e 3 anos.  Itaú Europa, Standard Bank e HSBC atuaram como “bookrunners” e “Mandated Lead Arrangers” do sindicato enquanto que o IFC, Itaú Europa e Standard Bank foram responsáveis pelo processo de sindicalização.

“Este novo financiamento do IFC irá ajudar o Daycoval não somente a diversificar sua base de captações (funding) como a alongar seu prazo médio e, ao mesmo tempo, criar uma base robusta para nos auxiliar a manter o apoio às pequenas e médias empresas brasileiras” disse Morris Dayan, Diretor de Relações com Investidores. “Confirmamos novamente que o IFC é um parceiro de longo prazo do Daycoval. Acreditamos que parte do sucesso desta transação se deve à estratégia conservadora do banco e à sua sólida estrutura de capital”.  

Participam do sindicato nas tranches em dólares: Itaú Europa, Standard Bank, HSBC, Calyon, Citibank, Oberbank, Santander and Standard Chartered.  Os participantes das tranches em Euros são WestLB, Commerzbank e ING

“O empréstimo sindicalizado para o Daycoval mostra a capacidade do IFC de mobilizar recursos para instituições financeiras que prestam um papel fundamental no desenvolvimento econômico e na criação de empregos no Brasil” disse Andrew Gunther, executivo sênior do IFC para o Brasil.  “Esta capacidade é particularmente importante durante períodos de volatilidade nos mercados”, enfatizou.

A estratégia do IFC no Brasil concentra-se em promover o acesso de indivíduos de baixa renda, microempresas, e pequenos negócios a linhas de crédito e ao desenvolvimento do mercado de capitais.  O IFC busca fortalecer a infraestrutura e os serviços públicos, incluindo saúde e educação, por meio do aumento da participação do setor privado.  Outras áreas principais de atuação incluem a melhoria do ambiente de investimento e o auxílio à inserção de pequenos negócios na economia formal. O IFC também promove práticas sociais e ambientais sustentáveis, particularmente na região Amazônica.  Em maio de 2010, a carteira compromissada do IFC no Brasil somava US$2,4 bilhões.

Sobre o IFC

O IFC, integrante do Grupo Banco Mundial, dedica-se a criar oportunidades para que as pessoas escapem da pobreza e melhorem suas vidas. Promovemos o crescimento econômico sustentável em países em desenvolvimento por meio do suporte ao desenvolvimento do setor privado, mobilizando recursos para empresas privadas, e proporcionando serviços de consultoria e mitigação de riscos para empresas e governos. No exercício de 2009, nossos novos investimentos totalizaram US$14,5 bilhões, ajudando a canalizar recursos para países em desenvolvimento durante o período da crise financeira. Para mais informações, visite o site www.ifc.org.

Sobre o Daycoval

O Banco Daycoval S.A. é uma instituição financeira especializada no segmento de “Middle Market” e que possui significativa presença no segmento de varejo. Sediado em São Paulo, possui 28 agências em 24 cidades de 17 estados brasileiros. No primeiro trimestre de 2010 sua carteira de crédito atingiu o volume de R$4.2 bilhões, com ativos totais consolidados de R$7.6 bilhões e lucro líquido de R$54.6 milhões. Em 2009, o lucro líquido do banco atingiu R$211 milhões. Mantendo uma estratégia conservadora, o Daycoval tem se destacado por sua alta liquidez e baixa alavancagem, como atesta seu índice de Basiléia de 27.2% em março de 2010.

Segundo o ranking nacional do Banco Central do Brasil (BACEN) de dezembro de 2009, o Daycoval figurava, dentre as instituições privadas, na 13ª posição em patrimônio líquido e na 30ª por volume de ativo total, deduzido da intermediação financeira. O Daycoval ainda possui importantes ratings, com as classificações, em nível local de longo prazo, de “A+” da Fitch Ratings, “brAA-“ da Standard & Poor’s e “AA-” da Austin Rating